24 de abril - Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais

por Lindomar Leal publicado 25/04/2020 14h05, última modificação 25/04/2020 14h05
Lei de autoria do presidente Emerson Machado (MDB) institui e inclui no calendário oficial de datas e eventos do município, a Semana Municipal de Conscientização e Divulgação da Língua Brasileira de Sinais.

Sexta-feira, dia 24 de abril, o Brasil celebrou o Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais (Libras). No Brasil, a data foi oficializada pela Lei 13.055, de 22 de dezembro de 2014. O projeto de Lei, que originou a legislação, atendeu à reivindicação da Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (Feneis), instituição dedicada à causa das pessoas surdas do Brasil, como parte da luta pelo reconhecimento e definitiva implantação da Libras.

O Dia Nacional da Libras foi instituído principalmente como alerta para as grandes dificuldades em acessibilidade que esses cidadãos enfrentam e da socialização ao mercado de trabalho.

Com o sentimento de respeito e sensibilizada em promover a língua de sinais, com vistas a tornar esse método de comunicação mais conhecido da população, a Câmara Municipal de Alta Floresta reforça a seguinte mensagem: “As mãos rompem o silêncio e fazem a comunicação de quem não houve, mas vê, sente e se emociona” (FEPB).

Duas Leis Municipais versam sobre a língua de sinais em Alta Floresta. A Lei nº 1.828/2010 insere a Libras em todos os eventos oficiais do município. Já a Lei nº 2.470/2018, de autoria do presidente Emerson Machado (MDB), institui e inclui no calendário oficial de datas e eventos do município, a Semana Municipal de Conscientização e Divulgação da Língua Brasileira de Sinais.

Tradução no site - A Câmara Municipal implantou em 2019, em seu site oficial, uma ferramenta que traduz os textos para a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS). A ferramenta funciona 24 horas, os sete dias da semana e é responsável por traduzir conteúdos digitais (texto, áudio e vídeo), tornando computadores, dispositivos móveis e plataformas Web acessíveis para pessoas surdas.

Para utilizar a ferramenta basta clicar em cima do ícone “Acessível em Libras”, no lado direito da tela. Ao selecionar o texto da página desejada, automaticamente o simpático intérprete virtual traduz o conteúdo para libras. Além da linguagem específica para pessoas surdas, é possível também ler as palavras traduzidas. Você pode desabilitar esta opção. É possível utilizar essas ferramentas tanto no computador Desktop quanto em smartphones e tablets. A ferramenta foi implantada no site da Câmara Municipal pelo setor de informática.

O presidente Emerson Machado reforça a importância do processo de inclusão ser permanente para facilitar a comunicação da sociedade com as pessoas surdas. “A língua de sinais, libras, é muito importante, por este motivo precisamos de um trabalho contínuo de conscientização, e foi com este pensamento que decidimos criar este projeto para modificar e atualização da legislação, permitindo que a inclusão aconteça de fato”, frisa o Presidente da Câmara Municipal.

LINDOMAR LEAL
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Alta Floresta, sempre ao seu lado!