VEREADORES SE REÚNEM COM O NOVO SECRETÁRIO DE SAÚDE DE ALTA FLORESTA

por lleal — publicado 26/04/2017 21h13, última modificação 26/04/2017 21h13
À frente da Secretaria Municipal de Saúde desde o dia 11, Adonis Pacheco Sampaio falou sobre as expectativas para a gestão e se colocou a disposição do Poder Legislativo para o diálogo.

Na manhã desta quarta-feira (26) o presidente da Câmara Vereadores de Alta Floresta, Emerson Sais Machado (PMDB), e os demais vereadores se reuniram com o novo secretário municipal de Saúde Adonis Pacheco Sampaio.

Durante a reunião, que aconteceu na sala de reuniões do Poder Legislativo, o Secretário de Saúde falou sobre seus planos para a sua gestão frente a uma das principais secretarias e disse que pretende ter um diálogo franco com o Poder Legislativo.

Na opinião do novo secretário de Saúde os vereadores são o maior elo com a população e isso facilita a identificar as principais demandas. Ainda de acordo com ele, para que se faça um trabalho de acordo com as necessidades do setor de saúde do município é preciso autonomia e uma gestão plena. “Só assim terei suporte para trabalhar com ainda mais efetividade, temos que avaliar que é sim possível fazermos mais com menos”, afirmou.

O presidente do Poder Legislativo enalteceu a presença do secretário na Casa de Leis e pediu para o diálogo ser permanente, para que os vereadores possam contribuir na melhoria do atendimento à população. A parceria já existente entre Câmara e Executivo Municipal e deve se intensificar, através de todos os meios, sempre almejando o melhor resultado para a população. "Os desafios e problemas da saúde pública não são apenas da secretaria, mas de toda a sociedade, quando você envolve os poderes o resultado é fantástico”, afirmou Emerson Machado.

O vereador Charles Miranda Medeiros (PSD), vice-presidente da Câmara Municipal, elogiou a postura do secretário de Saúde e disse que não é o momento de cobranças porque o secretário está assumindo a gestão da saúde no município. Charles falou ainda sobre as demandas dos PSFs e disse que seu gabinete estará de portas abertas para o secretário Adonis.

A vereadora Aparecida Scatambuli Sicuto (PSDB) disse que diariamente recebe denúncias sobre o atendimento médico nos PSFs. “Fui professora por mais de quinze anos e quando achei que o salário não era mais viável pedi pra sair, então, penso que em todas as classes deveria ser assim, se tem médico insatisfeito com o salário que está recebendo peça para sair e deixe a vaga para quem precisa, não fique ocupando uma vaga que pode perfeitamente ser preenchida por um profissional que aceite o salário que lhe é oferecido”, disse.

Os demais vereadores foram incisivos em deixar claro ao Secretário de Saúde que as cobranças serão feitas no momento oportuno e de acordo com as demandas que forem surgindo.

Também participaram da reunião os vereadores Eloi Crestani, Mendonça, Dida Pires, Mequiel Zacarias Ferreira, Luiz Carlos de Queiroz, Cidão Boa Nova, Elisa Gomes Machado, Marcos Menin e Demilson Brilho Joias.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.